Weby shortcut
logo FH
Youtubeplay
Escutas feministas

Evento: 1° Encontro Escutas Feministas

O 1° Encontro Escutas Feministas dará lugar a uma Instalação vivenciada de Arte performática. A Instalação - que é aberta e interativa - foi inspirada na ideia de “escutas feministas” e está dedicada a todas/os interessadas/os nesta postura.
ONDE:
Prédio Humanidades I - Campus II - UFG - Goiânia - Goiás- Brasil
QUANDO: 19 a 30 de novembro 2019
AUTORIA e PRODUÇÃO TÉCNICA:
Eliesse Scaramal - FH/UFG
APOIO EXECUTIVO:
Lisandra Moura FAFIL/UFG
Marcela Amaral - FCS/UFG Ozana Zacaroni - EVZ/UFG

 

Apresentação

O projeto Escutas Feministas, concebido em 2017, como uma ação de extensão de caráter interdisciplinar, extra e interinstitucional, tem como integrantes docentes de diferentes unidades da UFG e do IFG, discentes de graduação e pós-graduação e colaboradoras externas de diversos Coletivos. Por meio do exercício da escuta, intenta refletir não apenas sobre a desigualdade de gênero, as dificuldades e violências enfrentadas pelas mulheres em uma sociedade patriarcal e misógina, mas também quer trazer à tona suas estratégias de resistência, suas histórias de superação e emancipação, seus saberes e visões de mundo, seu poder de congregar e transmitir, sua capacidade de agir e transformar.
Desdobrando-se, como faz o feminino e o feminismo, essas Escutas são Internas e Externas. As primeiras dão-se no âmbito das instituições envolvidas e buscam saber da realidade de professoras, alunas, funcionárias técnico-administrativas e terceirizadas no que se refere às suas condições de trabalho, vivências e convivências. As Externas interessam-se por pensamentos, experiências e práticas de mulheres que atuam em outros espaços da comunidade local e regional. São escutas que dão voz e visibilidade, que registram e afirmam existências que importam, que aprendem e (e)laboram em conjunto, apoiando-se e referenciando-se umas nas outras. São escutas que buscam ouvir (e ver) para dialogar com o múltiplo (MULHERES, no plural) e que por isso consideram os elementos que diversificam, singularizam e complexificam nossas demandas.
O conceito de interseccionalidade, relevante para as várias teorias e epistemologias feministas que pautam nossos estudos, discussões e ações, orienta o projeto. Raça, classe, etnia, sexualidade, idade… são marcadores implicados em uma estrutura de opressão que importa combater com urgência. Sobrepondo-se ao gênero, há outros “estigmas” que contribuem para a desvalorização, deslegitimação, exploração e violação da(s) mulher(es) e que precisam ser levados em conta nos estudos e práticas feministas. Apresenta-se (e justifica-se) assim esse I Encontro Escutas Feministas: como um necessário, poderoso e mobilizador espaço de diálogo; como expressão de nosso compromisso de dar um retorno à Universidade e à Comunidade acerca das realizações do projeto e do desejo de materializá-las em ações formativas.
Escolhemos começar o Encontro no Dia da Consciência Negra como forma de assumir e afirmar a urgente responsabilidade de ouvir e acolher os diversos (e por isso tão ricos!) tons das vozes das mulheres que construíram e constroem o Brasil. Nosso contexto político nos questiona e provoca. Respondemos aos desafios contemporâneos resgatando o exercício ancestral de sentar, olhar nos olhos, ouvir, ser ouvida. Respondemos unidas, em coro. Em alto e bom som!


***

P R O G R A M A Ç Ã O
Campus Samambaia – UFG
Goiânia, 20 a 22 de novembro de 2019


20 de novembro de 2019
Auditório Lauro Vasconcelos (Faculdade de História-FH / Prédio Humanidades I)

18h00 – Inscrições

19h – Abertura: Apresentação do Projeto de Extensão “Escutas Feministas”
Adriana Delbó (UFG)
Carla Damião (UFG)

19h30 às 21h - Mesa-redonda: Diálogos entre Mulheres - resistindo aos silenciamentos

. Adriana Delbó (FAFIL-UFG)
. Eronilde da Silva Nascimento - Mães de Maio do Cerrado
. Larissa Engelmann - Coletivo de Transmulheres e Travestis (UFG)
. Sônia Cleide Ferreira da Silva – Grupo de Mulheres Negras Malunga
. Nallionay Cardoso Coutinho – Atisvista do Movimento Indígena (UFG)

21 de novembro de 2019
8h00 às 12h00 - Sala de Defesas AS-3 / Faculdade de Ciências Sociais-FCS (Prédio Humanidades II)

Minicurso: Gênero, Sexualidade, Relações Étnico-raciais e Saúde Mental - Cristina Vianna (UFT)

14h00 às 16h30 - Auditório Lauro Vasconcelos / FH

Mesa-redonda: Diálogos Feministas entre Nietzsche e Butler

. Nietzsche e o nomadismo: uma perspectiva para pensar o ativismo feminista no nosso tempo - Carmelita Felício (FAFIL/UFG)
. Nietzsche, Butler e Derrida: passos de mulher - desconstrução e perspectivas para o feminismo - Kamilly Barros (PPGH-UFG)
. Intersecção entre Clarice Lispector e Friedrich Nietzsche - Lisandra Moura (FAFIL/UFG)
. Contribuições de Nietzsche para a discussão de casos de internações manicomiais de mulheres - Luciene Marques de Lima (UEG/UFG)
. O manto de Penélope e a teia de Aracne: tecituras feministas de Nietzsche - Mariana Andrade (PPGFil/UFG)
. Nietzsche e o controverso ideal de emancipação feminina - Patrícia Sheyla Bagot de Almeida (PPGFil/UFG)

16h50 às 18h30 - Auditório Lauro Vasconcelos / FH

Mesa-redonda: Escutas, Escritas e Representações Feministas

. Alcilene Cavalcante (FH/UFG)
. Iarle Ferreira (IFG-Campus Goiânia)
. Marloren Miranda (UFRGS/UFG)

22 de novembro de 2019
8h00 às 12h00 - Sala de Defesas AS-3/FCS
Minicurso: Gênero, Sexualidade, Relações Étnico-raciais e Saúde Mental - Cristina Viana (UFT)

14h00 às 16h00 - Sala de Defesas AS-3/FCS
Mesa-redonda: Epistemologias Desobedientes - mulheres, artes e ciência
. Carla Luzia de Abreu (FAV/UFG)
. Jaqueline Pereira de Oliveira Vilasboas (IFG/Campus Aparecida de Goiânia)
. Marta Cezaria de Oliveira (Projeto Investiga Menina! - ONG Grupo de Mulheres Negras Dandara no Cerrado)
. Zilene Moreira Pereira Soares (ICB/UFG)

16h20 às 17h20 - Auditório Lauro Vasconcelos / FH

Conferência: Feminismos, Resistências e Enfrentamentos - Tatiana Lionço (UnB)

17h30h às 19h30

Plenária de Encerramento.

Durante todo o evento: Instalação Interativa Escutas Feministas
Local: EM BREVE

23/11/19 - 15h
Atividade complementar - Oficina Escrita De Mulheres: Na Fronteira entre a Filosofia e a Literatura
Discussão do texto "Insubmissas Lágrimas de Mulheres", de Conceição Evaristo
Vila Cultural Cora Coralina
Rua 3, esquina com Avenida Tocantins - Centro de Goiânia
maiores informações: escritademulheres@gmail.com

COMISSÃO ORGANIZADORA

Adriana Delbó (FAFIL/UFG)
Alcilene Cavalcante (FH/UFG)
Carmelita Felício (FAFIL/UFG)
Eliesse Scaramal (FH/UFG)
Iarle Ferreira (IFG)
Lisandra Menezes (FAFIL/UFG)
Kamilly Barros (FH/UFG)
Larissa Rios (FL/UFG)
Liza Santos (FCS/UFG)
Marcela Amaral (FCS/UFG)
Marloren Miranda (FAFIL/UFG)
Ozana Zacaroni (EVZ/UFG)
Ramon Pereira Ataíde (FCS/UFG)
Ricardo Baz (FAFIL/UFG)
Yordana Lara (FCS/UFG)

Escutas feministas

Categorias: noticia2